Segunda, 03 Mai 2021 21:05

Mensagem de Nossa Senhora de Piedade em 02 de Maio de 2021

Avalie este item
(7 votos)

Queridos filhos!

Acolho todos os filhos em meu coração e entrego-lhes ao Coração de Jesus, especialmente aqueles que, hoje, vieram aqui fazer um pedido especial a Deus: a cura – a cura, a libertação, a força, a coragem, a fé e a esperança.

Deus é a luz que ilumina todos os corações neste momento em que falta ao homem a esperança e a união. Como o demônio tem dividido a humanidade neste momento em que ela mais precisaria estar unida. Não adianta! Agora é a hora da justiça de Deus; é o tempo da justiça de Deus. Quanto mais cedo o homem voltar-se ao Coração de Deus mais feliz ele será, mais cedo colherá a glória, as riquezas e os prodígios.

A nossa esperança é o Senhor! Aquele que criou o céu e a Terra; Aquele que nos fez à sua imagem e semelhança; Aquele que nos deu a salvação; Aquele que é o Nosso Salvador; Aquele que é a nossa Ressurreição e a Fonte da Misericórdia que jorra para o mundo, o qual vive em lágrimas de dor.

A nossa confiança é o Senhor! Feliz do homem que está preparado para se encontrar com Deus. Feliz da alma que tem sede da justiça Divina. Feliz do povo, da humanidade, da nação que dobrar os joelhos diante do Senhor. Porque a batalha é grande e não diminuirá, mas, será a cada dia mais intensa. A cada dia, mais você precisa ter humildade, união, viver a fraternidade, dar as mãos de uma forma espiritual, mas dar as mãos! Não permita que o mal vença. Estamos no tempo de vencer o mal; tempo de construir, de edificar, a vida sobre a graça de Deus.

É por isso que eu chamo vocês ao caminho do perdão e da obediência, a seguir as pegadas de Jesus, mergulhar nesse oceano misericordiosíssimo, e, nas Entranhas desse Coração Misericordioso, pedir perdão a Deus.

O demônio quer causar no mundo uma grande divisão! Deus quer a união dos povos, quer a unidade e a fraternidade.

Como salvar almas? Como lutar para salvar o mundo deste vale de dor, de lágrimas e de tristezas?

Não falo apenas pelo fato de a humanidade estar vivendo um tempo de sofrimento na carne, mas também há um sofrimento na alma, um sofrimento no próprio tempo. Porque estamos vendo nitidamente a tristeza do homem – os reflexos dessa tristeza. Isso é falta de preparação! Quando você está preparado, por maior que seja a sua batalha, vence com amor.

Hoje, quando eu olhava para Meu Filho Amado, Jesus, eu fiz um pedido a Jesus, por mais amor no mundo, mais amor no coração dos homens. Sem amor, a humanidade não vencerá a peste, não vencerá o sofrimento e não vencerá a pandemia do momento presente.

É preciso amar mais! Aproveitar esse tempo para pensar mais em Deus e refletir que, hoje, você está aqui, mas amanhã é um novo dia. Não pertence à humanidade saber do seu amanhã, tampouco das horas que estão por vir ao entardecer e ao anoitecer. A sua vida está unicamente nas mãos do Senhor – toda a sua vida, toda a sua missão, toda a sua caminhada.

Este é um ano de oração e de súplicas; súplicas a São José e ao Espírito Santo. A humanidade perece na dor e nas trevas, num ano em que deveria dizer: “Vem Espírito Santo!”

A humanidade não tem a sabedoria, a ciência e a inteligência do Espírito Santo, os quais são diferentes da inteligência e do conhecimento humano. É uma inteligência que nos faz ter piedade, ser humilde, compreender e ver além dos olhos da matéria.

Se você olhar com os olhos da matéria, sua vida será resumida em julgamentos. Porque o mundo está totalmente no caminho errado. A humanidade caminha sobre a dor e sobre os espinhos. Deveria ser diferente! É necessário que a humanidade caminhe sobre as pegadas de Jesus, mas o homem não quer caminhar sobre essas pegadas; são poucos os que estão caminhando.

Quando eu falo da humanidade me refiro ao mundo, a todos os corações da Terra.

Como a humanidade está dando o seu testemunho de fé neste momento de sofrimento, em que tem necessidade de ver Deus, mesmo estando num momento difícil?

A humanidade estava totalmente apegada à matéria. Hoje precisa se encontrar com Deus para encontrar a verdadeira paz.

São José é quem vai valer vocês; ele foi forte nos momentos difíceis. E, neste momento difícil que vocês estão passando, e nos que ainda passarão, São José trará para vocês muita força, muita sabedoria e muita paciência. Até para enfrentar os momentos de dor é preciso ser paciente. Ninguém enfrenta um momento de dor em desespero. Quanto mais você se desespera, mais a dor aumenta. Quanto mais você está em paz, mais Deus lhe dá força para vencer esse momento.

A humanidade precisa descobrir essa paz!

Estou falando para o mundo. Estou falando aqui, neste Vale dedicado à misericórdia de Meu Filho Amado, Jesus: vocês precisam ter essa suavidade na alma, ter paz espiritual. Não permitam que o demônio faça deste mundo, um mundo de divisão. É necessário ser um homem forte, um homem que construa verdadeiramente a paz. O mundo clama por essa paz!

Quando Jesus disse: “É o tempo da justiça”, eu senti em meu coração que a humanidade ainda não sabe o que significam estas palavras. Se ela tivesse conhecimento dessas palavras mudaria seus atos. Eu sinto que a humanidade não tem consciência, não tem sabedoria para entender essas palavras: “tempo da justiça de Deus”.

Eu falo como uma mãe que chega perto do filho e o abraça no momento em que ele precisa de um abraço; olha para esse filho e diz: “Filho, cuidado com o que você pratica, com os seus atos, com os seus pensamentos, com as suas obras, suas ações. Seja mais humilde, ouça mais a Palavra do Senhor, encharque-se do Espírito Santo de Deus, seja mais sereno, viva a serenidade de Cristo e grandessíssima bondade de Cristo”. Porque vocês passarão pelo tempo da justiça e ninguém poderá fugir dessa justiça.

 É como fazer uma plantação no seu jardim e querer que dê flores, sem que você cuide; mas se você não cuida, só dará espinhos.

Nesse tempo da justiça, se você não cuidar do seu coração, não cuidar da sua alma, não cuidar da sua caminhada espiritual com Jesus – com o Céu – você não colherá belezas, você colherá tristezas. É tempo de zelar por sua alma, de zelar por seu coração.

A humanidade, hoje, vive um medo terrível, mas esquece de se preparar para vencê-lo. A humanidade tem tanto medo da partida, tanto medo da despedida, tanto medo da perda, porque se prepara pouquíssimo para se encontrar com Deus.

É como se o homem perambulasse sobre a terra ao encontro apenas da terra. E ele esquece que essa terra é tão passageira e que ele está a cada dia – e deve estar a cada dia – mais próximo de Deus.

A justiça de Deus nos aproxima dEle, não precisamos ter medo desse tempo. Necessitamos desse tempo para respirar um Céu de Luz, uma Terra de Esperança.

Para onde vai o homem que não pensa mais no amor à família, no amor à missão, no amor a Cristo, no amor à Palavra, no amor à oração?

É tão bom quando você ora: a sua vida se enche de paz, o seu coração se enche de paz. Para vencer qualquer armadilha dessa terra, a força é a oração. Quando você pega o santo terço e ora, você vence a pior das piores tempestades; o pior dos piores inimigos, que é o demônio; você lança o demônio ao chão.

Se a humanidade buscasse uma vida de oração, uma vida de acolhimento à Palavra e de adoração a Jesus, o mundo não estaria passando por essa tempestade. O mundo já estaria na paz, na brisa mansa da suavidade de Cristo.

O mundo vive uma tempestade – confusões, tristezas profundas, tribulações infinitas –porque não tem essa vida de oração, esse encontro com Deus.

Quando você se encontrar com Deus, você sentirá fortemente o seu coração queimar de amor e dirá fortemente: “Deus me basta! “Só Deus!” Você será preenchido! Por mais que seus sonhos existam, Deus estará sempre em primeiro lugar, a sua vida será guiada por Ele – o seu trabalho, a sua família, a sua casa, o Brasil, a humanidade e todos os países do mundo. Quando você encontrar verdadeiramente com Deus, encontrará realmente o que você precisa, o que você busca e não encontra através da beleza do que os olhos veem, do que as mãos tocam, daquilo que você pode sentir.  Quando você encontrar Deus de verdade, o seu coração encherá de paz.

É isso que eu quero desejar para vocês hoje: paz! A paz que é Deus, a paz que entra nos nossos corações, entra nas suas casas, entra nas suas vidas.

Vocês, que desejam se consagrar ao amor infinito a Jesus, por intermédio do meu Imaculado Coração, sejam mais simples, sejam mais leves e suaves. Vençam a tempestade do demônio, que tenta atormentar os seus pensamentos, com os maus pensamentos e os julgamentos. Às vezes, existe perto de você alguém que você julga tão mal; ame mais! Faça como Jesus fez: ame mais! Escute mais o Céu! Viva mais o Céu, filhos!

Eu sinto que esse é o momento mais lindo que vocês precisam viver, porque é o momento em que a presença de Deus está mais perto de nós. É nos momentos difíceis da vida que Jesus nos faz a linda promessa de nos carregar em seus braços.

Hoje vocês podem se sentir carregados por Jesus. Por isso, não tenham medo; tenham fé! Vocês vencerão!

O sofrimento será cada dia maior, as ondas serão cada dia maiores, mas Deus será a sua paz. E isto lhe basta filho!

Com grande carinho no meu Coração de Mãe, eu quero neste momento dar-lhes a minha bênção.

Neste momento, Nossa Senhora abençoa todos enquanto cantam: “Dai-nos a bênção...”

Queridos filhos!

Com grande carinho, eu dei a vocês a minha bênção. Essa bênção foi especial para todos os filhos aqui presentes, e para aqueles que não estão presentes, mas que têm o coração aqui, junto ao meu Coração, junto ao Coração de Jesus, pedindo a Jesus a paz – Ele é a nossa paz. Também por todos os doentes, por aqueles que precisam de força para vencer a enfermidade do corpo, da alma, do coração, pela cura das famílias – pela cura da sua família – por toda a Santa Igreja, por todas as comunidades, e em especial por esta fraternidade.

Jesus, hoje, nos falou da união. Jesus nos quer unidos. Quanto mais unidos estivermos, mais teremos força para vencer o mal. Nunca se esqueçam dessas palavras da Mãe do Céu: “Quanto mais unidos vocês forem, mais vitoriosos serão!”. Esta é a grande vontade de Deus: a união de toda a humanidade a Ele.

Hoje, eu pedi a Jesus para abençoar essas flores para cura e libertação dos doentes do corpo e da alma. Principalmente por vocês que estão aqui pedindo cura dos vícios, das maldades, dos maus pensamentos, das tribulações interiores. Que Jesus possa curá-los, libertá-los, exorcizá-los e dar força para que vocês vençam verdadeiramente a grande batalha.

Essa bênção de hoje foi, também, de um modo muito especial para os aniversariantes. São muitos os filhos que fizeram um ato de agradecimento a Deus pelo dom da vida, que são muitos agradecidos a Deus e que são filhos muito especiais.

E, nesta bênção de hoje, abençoei de uma forma especial as comunidades, os corações que se sentem tristemente cheios de dor, de saudades daqueles que foram tão especiais. Principalmente o sacerdote que, muitas vezes, trilha um caminho de amor e tão cedo Jesus leva para o Reino dos Céus. Que Jesus traga esperança a esses corações e a certeza de que tudo é do Pai. Quando você olhar para alguém e tiver dúvida de que Deus está com você, mesmo diante de uma perda dolorosa, pense nas palavras da Mãe de Piedade: “Tudo é do Pai!”

Você que está aqui é do Pai!

Por isso vocês têm que estar preparados! O tempo da justiça chegou. Vocês têm que se preparar! Ninguém pode dizer: “Eu estarei aqui amanhã”. Viva o seu hoje. Viva bem! Ame mais! Ame mais a sua comunidade.

Comunidade significa comunhão com Jesus e com o irmão. Fraternidade é estar com o coração unido à família maior, que é Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo, toda a família Divina, toda a família do Céu, toda a família abençoada por Deus nessa Terra tão linda, a qual Ele chama de seu jardim. A família é o jardim de Deus!

Então, viva mais a união. Por mais que você ache que tenha razão, filho, uma alma que não vive unida não é feliz. O demônio quer dividir vocês, o mundo, a Terra, a humanidade. Os povos precisam ouvir as Palavras de Jesus, para que Ele direcione muito a sua misericórdia, a fraternidade e a união.

É um apelo que eu faço a vocês: Deus não quer quantidade, Ele quer qualidade. Coloquem mais amor naquilo que vocês fazem. É isso que fará do mundo, um mundo santo e salvo. É isso que dará a vocês a vitória.

A vitória, porque virá muito sofrimento e vocês precisam estar de pé, fortes, firmes para vencer.

Eu deixo com vocês o meu Coração de Mãe, porque eu estou junto com vocês nessa luta. Nessa luta, pelo Triunfo do meu Coração Imaculado.

Permaneçam todos na paz!

Eis aqui a Serva de Deus, Maria, a Imaculada Conceição, e eis que o Senhor me chama.

DMC Firewall is a Joomla Security extension!