×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 68
Imprimir esta página
Quarta, 11 Abril 2012 20:36

Mensagem de 04 de Março de 2012

Avalie este item
(0 votos)

Queridos filhos!

É grande a nossa felicidade e também alegria em poder estar aqui sobre a proteção da Santíssima Trindade. Feliz é o homem que confia no Céu, que acredita no Céu, que confia na Providência Divina. A Providência Divina nos concede a honra, a bênção e o privilégio de estarmos aqui neste local escolhido por Deus. O próprio Deus manifesta o seu amor através deste lindo ensinamento que é a Palavra; e traz para nossas almas e para os nossos corações Jesus, que está aqui neste momento na suave brisa mansa, na presença das crianças, das famílias, dos jovens e de todos os corações que, com muita unidade, estão aqui para servir a Deus.

Hoje, nesta mensagem, eu quero agradecer a Deus pelos filhos que fizeram a linda vigília. Na Quaresma é tempo de orar e vigiar. E felizes são os corações que se despertam a este chamado de Deus. Jesus ensinou ao mundo, por exemplo, o quanto que a humanidade precisa fazer obras de paz, de bem e de crescimento na fé; e muitos talvez perguntam: “Por que orar e vigiar durante a noite?”

Porque Deus te deu todos os dias de sua vida, e é tão lindo quando você para, nem que seja por um minuto, para agradecer a Ele pelo dom da vida.

E aqueles que fizeram esta linda oração da vigília, não só agradeceram pelo dom da vida, como verdadeiramente compreenderam o significado de sua vida – que é o amor de Deus por você – compreenderam o quanto que muitas vezes o inimigo tenta lhe derrubar com perseguições, críticas maliciosas. Mas, você que ama a Deus está sempre de prontidão, porque muitos são os chamados, mas poucos têm a coragem de dizer sim para Deus. É uma grande multidão, mas poucos estão direcionando os seus corações a Deus.

Agradeço ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo pela presença dos filhos que hoje estão aqui. Vocês estão em oração e de uma forma também grandiosa estão atentos ao chamado de Deus. Porque você poderia viver esse domingo de várias maneiras, como um homem que pensa em tudo, menos em estar sobre as mãos misericordiosas de Jesus Cristo; e a sua escolha foi estar aqui, sobre a proteção misericordiosa de Jesus. Ele está aqui irradiando seus Raios de Luz e de Misericórdia sobre vocês. Então é uma bênção, é uma graça.

Hoje nós vamos refletir sobre os Raios da Misericórdia de Jesus sobre nós. É algo que o mundo está precisando tanto, a humanidade precisa acreditar nesses Raios de Luz e ter mais confiança. Este ano da misericórdia, Jesus está batendo na porta do seu coração e te pedindo uma coisa: “Sejais homens de Deus”. Então acreditai, tenhais confiança! E é importante principalmente agora, nestes dias da Quaresma, que vocês façam essa reflexão sobre o Cordeiro de Deus: Jesus; a reflexão sobre o Sangue do Cordeiro de Deus. Isso é algo que as famílias precisam, os jovens precisam, e também as pessoas que precisam da libertação dos seus vícios. Na verdade meus filhos, o inimigo, o demônio verdadeiramente tem pavor do Sangue do Cordeiro de Deus.

O que precisamos colocar na vida da família de Deus, que é a Igreja?

O Sangue de Jesus, que tem poder. Quando vocês dizem: “O Sangue de Jesus tem poder!” É porque o Sangue de Jesus tem poder! Inclusive em cada Eucaristia é esse Sangue de Jesus sendo glorificado e derramado sobre você. Você precisa muito do Sangue do Cordeiro de Deus para vencer as tribulações e o sofrimento. O Sangue do Cordeiro de Deus é o que te dá força para aliviar suas chagas na carne.

O homem precisa ter mais fé. Se apresentar ao poder grandioso do Sangue de Jesus. Porque nos Raios da Misericórdia Divina, de Jesus Misericordioso, vemos esse Sangue de Jesus sendo lançado para o mundo.

E por que este Sangue sai diretamente do Coração de Jesus?

Porque quando Jesus morreu na cruz, Ele foi imolado, Ele doou a vida por todos nós. E por fim já não havia mais Sangue no Corpo de Jesus; foi quando saiu a água do Coração de Jesus. E essa água significa o mundo sendo lavado por aquele Sangue. Por isso que aquele Sangue e aquela Água significam a misericórdia que precisamos nestes finais de tempos. Essa misericórdia precisa ser derramada sobre as famílias, sobre os pais, sobre as mães, sobre os filhos, sobre os jovens e até mesmo sobre as nossas crianças. Essa misericórdia precisa estar na vida das famílias; e não é só você mãe, você pai, você jovem, você criança. Olhai o retrato de Jesus Misericordioso, é você colocar esse Jesus Misericordioso na sua alma, através da maior fonte de graça que é o Santíssimo Sacramento; é fazer adoração, é ter um coração preparado para a Santa Comunhão, é ser realmente digno de receber a Santa comunhão.

Por que o mundo hoje está tão doente, não só na carne, mas na alma?

Porque as pessoas não acreditam no Alimento do Céu. O homem acredita na terra, no alimento da terra.

Por que o homem nunca deixa de alimentar o corpo e esquece-se de alimentar a alma?

A misericórdia de Jesus é o Cordeiro de Deus. O Cordeiro de Deus quer habitar no seu coração e reinar. Porque não é só ir buscar a Eucaristia, não é se apresentar na Santa Eucaristia. É viver a presença de Jesus na sua vida. É fazer o bem. É conduzir seus atos ao bem. É querer ser realmente uma criatura de bem. Hoje as pessoas estão cercadas de maldades.

Por que o demônio faz guerra na família, faz guerra na juventude, faz guerra até nas crianças?

Porque ninguém quer viver o bem. As pessoas já estão sendo contaminadas por maus pensamentos. É só agressão, vaidade, orgulho, tristeza, é só vontade de ser mais. Ninguém para e acende a luz do Espírito Santo: o batismo, a graça de ser batizado. Você é sábio, você tem inteligência, você tem entendimento, você tem ciência, você tem piedade, você tem força, mas você precisa agir na construção de um mundo digno. Por isso que só a misericórdia não basta; nós temos que ter unidade. O próprio Pai e o Espírito Santo estão em unidade com o Filho, e Eles, na Santíssima Trindade, lançam sobre o mundo esta unidade. Sozinhos não conseguiremos vencer; precisamos ter unidade.

Este ano, se vocês viverem esta misericórdia e esta unidade, vocês darão passos não só em direção ao triunfo do meu Imaculado Coração, como na realização da vontade de Deus na vida de vocês; que é o bem vencer o mau. E nós precisamos que o bem vença o mau. Porque não podemos permitir que o demônio continue a fazer os horrores que ele está fazendo com a humanidade; em todos os sentidos, espirituais, materiais e temporais. É a hora do homem despertar.

Você chegou aqui, neste local de oração, você veio porque Deus te trouxe. O Céu te trouxe, o Céu te ama, é um chamado de Deus. Pense no quanto é importante para você este chamado de Deus. É algo que está no coração de vocês, não é algo que você vem por vir, você vem pelo coração. Pode vir pela curiosidade, pela necessidade, pela dor; mas vem pelo coração. Só o coração nos faz estar aqui, na simplicidade deste lugar. Simples! Que não tem nada para atrair os nossos olhos, mas que tem tudo, e nos chama para uma vida de graça que é o Céu na nossa alma. Por isso que você sai daqui com a coragem e o propósito de ter vida nova, de ser um homem novo na sua casa e na sua comunidade.

E essa presença do amor de Deus é muito forte. E você vive esse amor de Deus, você espelha diante daquilo que Deus está realizando aqui: o amor. É difícil viver o amor nos tempos de hoje. É muito difícil. Porque o homem ignorou o caminho do amor que é Jesus, que é a misericórdia de Jesus. O homem não quer partilhar, não quer repartir, não quer precisar do outro. Ele acha que pode sozinho. E é por isso, que ele está sofrendo de todas as maneiras. Por mais que ele tenta ir por um lado, ele vê que não está indo pelo lado certo. Enquanto ele não direcionar o olhar para Deus e ter Deus como a fonte de luz para o seu caminhar, ele não saberá realmente vivenciar a paz. Por isso, eu tenho a certeza que quem já colocou Deus à frente do seu caminho, já vive uma vida serena e feliz, porque aprende a transformar as coisas. Se você não tiver essa força você simplesmente perde toda a estrutura para vencer; porque o demônio atinge a sua família, seus filhos. Ele atinge as pessoas que estão mais próximas de você. Basta eu olhar para as mães que estão aqui hoje e ver o quanto que elas estão pedindo a Deus pelas suas famílias e pelos seus filhos.

Você tem que ter uma base no Céu; não pode ser o mundo. Porque infelizmente se você seguir o mundo você vai se perder. Você simplesmente vai achar que não tem como solucionar as suas dificuldades. Eu não vou dizer nem problemas, porque o grande problema da humanidade é esquecer que o Sangue de Jesus pode tudo. Mas para solucionar todas essas fragilidades, basta que o homem largue as migalhas. Porque o homem teima em permanecer sobre aquilo que é prejudicial a sua alma: que é orgulho, a inveja, o ciúme e muita preguiça. Hoje o homem tem preguiça de fazer o bem, de ir ao encontro de alguém para ouvi-lo, para orar por ele. O mundo precisa é dar as mãos e orar uns pelos outros.

O que vocês fazem aqui quando dão as mãos?

Vocês suplicam a Deus orando uns pelos outros. Quem precisa de oração são vocês. O Céu ensina vocês a orarem porque o Céu mostra que pela ação da oração que é algo que vem de cima, que vem do Espírito Santo glorioso, é que temos condições de vencer as tristezas e as nuvens traiçoeiras do pecado. Quando vocês dão as mãos, vocês estão estendendo as suas mãos para os irmãos. Orar para o irmão é algo que Jesus nos ensina aqui. Ao orar – nos momentos que precisamos estar unidos numa aliança para vencer as fortes e grandes tribulações destes finais de tempos – o homem não pode ter medo, o homem tem que ter é fé, coração, coragem, força, determinação, vontade. Porque hoje, filhos, só as pessoas de fé se movimentam rumo à misericórdia e à humildade.

É por isso que com grande carinho eu quero abençoar todos os meus filhos.

Neste momento Nossa Senhora abençoa a todos os presentes enquanto cantam: dai-nos a bênção...

Queridos filhos!

Eu abençoei carinhosamente a todos os filhos.

O Céu trouxe tanta graça, tanto amor, tanta luz, tanta unção para estes corações aqui presentes, sobre a proteção do meu Coração e do Coração de Jesus; numa catequese grandiosa, filhos, mostrando a verdade à nossa frente. Às vezes é difícil de olhar e vê-la. Mas Jesus pediu para você ver a verdade: “É o Meu sangue, é a Minha Misericórdia, é água pura que jorra do Meu Coração para lavar, santificar e proteger o mundo”. Temos que verdadeiramente ir ao encontro deste Coração, nos doar a este Coração e ter a certeza que Deus tudo fará por nós; porque Ele nos ama. E é esse amor que vocês vão levar e que nunca vai deixar vocês. É o amor zeloso, que seja na hora da dor, ou seja, na hora da alegria, é o amor que não nos abandona.

E é sobre a proteção do amor do Pai, do Filho e do Divino Espírito Santo que vocês hão de permanecer na paz, levar daqui a paz e ser feliz na graça de Deus.

A quem me ofertou essas flores tão belas e lindas, eu dou o Meu Coração.

Eu abençoei a todos os aniversariantes, a todas as famílias, a todos os romeiros e digo como Mãe: “Feliz são vocês que sabem que Jesus Cristo é o caminho!”

O Céu me chama e eis aqui a Serva do Senhor!

Última modificação em Quarta, 09 Outubro 2013 15:28
Our website is protected by DMC Firewall!